Mais Destinos no Acre Mais Destinos no Acre

+ Destinos






[favoritos]

Turismo no Acre

O Acre equilibra desenvolvimento, sustentabilidade e meio ambiente originais, se mantendo esta tendência, pode ser um exemplo no equilíbrio entre florestas e meio ambientes com a vida humana.

Acre

População indígena no Estado

O Estado está localizado no centro da Pan-Amazônia, com fronteira para Amazonas, Bolívia e Peru, região onde vivem cerca de 30 milhões de pessoas de diferentes culturas. Em seus 16 milhões de hectares de floresta tropical, com a maior biodiversidade da terra, no estado vivem 700 mil habitantes, metade dos quais morando na floresta, sendo 15 mil índios, donos de 32 reservas indígenas, 14 diferentes nações que mantém preservadas suas tradições e etnias originais.

O Acre é um estado do futuro, pois equilibra desenvolvimento, sustentabilidade e meio ambiente originais, se mantendo esta tendência, pode ser um exemplo no equilíbrio entre florestas e meio ambientes com a vida humana.

Acre

Quibe de Macaxeira

Os sabores da culinária acreana trazem marcantes influências das cozinhas sírias e libanesas, representadas por pratos como quibe de macaxeira, arroz e carne de sol com pirarucu, já no café da manhã. Isso tudo, somado aos paulistas, sulistas, nordestinos, que, junto da população indígena, forjaram um povo com identidade cultural muito forte. Rio Branco, sua capital desde 1920, fica na tríplice fronteira com a Bolívia e o Peru e às margens do Rio Acre, lugar de chuvas fortes o ano inteiro e praias fluviais de inigualável beleza, amenizando o calor muito forte da região.

A segunda cidade mais populosa do Estado é Cruzeiro do Sul que, por preservar construções históricas do ciclo da borracha e estar ao lado do Parque Nacional da Serra do Divisor, é considerada o principal destino turístico do estado, recomendamos ainda Assis Brasil e Brasiléia.  A estrutura dos hotéis, bares e restaurantes é muito boa e possibilita uma viagem tranquila e saborosa. No mais, boa viagem!

#MaisDestinos; @MaisDestinos; #Turismo; #MaisDestinosAC; #Viajar; #Viagem;

Arquivo/Secom

Rio Croá – Cruzeiro do Sul

O clima do Acre é do tipo equatorial úmido com uma longa estação chuvosa. As temperaturas são estáveis durante todas as estações do ano e a umidade é muito alta. A melhor época para visitar o Acre são nos meses menos chuvosos, entre Maio e Setembro.

Colunista

+ do colunista Salomão, ANeto

Arquivo Secom

Tucumã

Turistas mais tradicionais sempre procurarão o conforto total, esperando que toda a civilização moderna esteja reproduzida nos locais de destino. Para quem prefere destinos menos pasteurizados, o Acre é uma mistura da sustentabilidade da floresta com o urbanismo, somado com o difícil acesso a muitas facilidades dos grandes centros, prova-se um povo inovador para compensar suas necessidades, mostrando que o ser humano adapta-se melhor com as dificuldades. Este é o reflexo ideal da sustentabilidade, tão evidenciada nas discussões sobre a preservação do meio ambiente e a vida das pessoas no futuro.

J. Diaz/Secom

Catedral Nossa Senhora da Glória – Cruzeiro do Sul

O Acre já se prepara para este futuro. Não são poucos os turistas internacionais que passam a viver na Amazônia quando vão conhecê-la, prova nas 14 diferentes nações que vivem no Acre, povos que dão mais importância em aprender a vida original evidenciada nos índios e não estarem tão próximos a grandes centros, para aprender na privação de certas modernidades como os instintos afloram livremente e fazem o ser humano aprender a viver de forma mais sustentável.
Neste sentido, o ecoturismo, que é uma tendência recente muito difundida, coloca o Acre na rota de quem quer conhecer a sustentabilidade em sua forma mais original e expontânea, sem pasteurização e com muita cultura local e indígena.

Colunista

+ do colunista Salomão, ANeto

Colunista

+ do colunista Salomão, ANeto

Rio Branco

Rio Branco
Norte > Acre

Conheça o berço da mistura do urbano com a floresta, onde pessoas, natureza, fauna e flora convivem em harmonia, destino de ecoturismo e equilíbrio étnico
Assis Brasil

Assis Brasil
Norte > Acre

Futura rota terrestre para a Bolívia e o Peru, Assis Brasil é rota certa para quem conhecer a América do Sul de mochila nas costas e com o pé na estrada
Brasiléia

Brasiléia
Norte > Acre

Venha conhecer seu Festival da Castanha em outubro e o Carnavale em julho, manifestações da floresta amazônica em um centro urbano sustentável
Cruzeiro do Sul

Cruzeiro do Sul
Norte > Acre

O céu glamoroso da cidade se destaca a noite, sendo uma das melhores regiões para fotos noturnas da Via Láctea pela baixa luminosidade no seio da Amazônia
Arquivo Secom

Aeroporto Internacional Plácido de Castro

A cidade tem dois postos de informação turística. Um está localizado no aeroporto da capital, e o outro na praça Povos da Floresta (tel.: 68 3901-3029).

Acesso por terra
A BR-364 corta o Estado no sentido leste-oeste, na direção de Rio Branco e Cruzeiro do Sul. A BR-317chega ao Vale do Acre e corta o Estado no sentido norte-sul. As rodovias de acesso ao Acre são transitáveis apenas durante quatro meses do ano (Junho a Setembro), tornando o estado isolado por terra.

Acesso pelo ar
O Aeroporto Internacional de Rio Branco atende à voos domésticos, internacionais, militares e gerais. Está entre um dos aeroportos mais movimentados da região Norte. O Aeroporto está localizado no quilômetro 18 da BR-364, zona rural de Rio Branco.

Telefones úteis:

  • Corpo de Bombeiros : 193
  • Polícia Civil : 197
  • Polícia Federal : 194
  • Polícia Militar : 190
  • Polícia Rodoviária Federal : 191
  • Pronto-Socorro : 192
  • Hospital Santa Casa de Misericórdia do Acre : (68) 3224-6297
  • Aeroporto Internacional do Rio Branco : (68) 3211-1000
  • Rodoviária de Rio Branco : (68) 3224-6984

Tomadas/energia elétrica:

  • 110V

Colunista

+ do colunista Salomão, ANeto

Nota Geral

9.1
  • 9.4

Média

9.2

Avalie-nos

Suas avaliações e comentários são importantes.

Nota Geral

  • 0
  • 0
  • 0
  • 0
  • 0
  • 0
  • 0
  • 0